Voltar

4 dicas para turbinar seu idioma!

Foto de Anna Shvets no Pexels

Muita gente se surpreende com a facilidade que muitas pessoas apresentam ao aprender um idioma estrangeiro. É incrível encontrar alguém que consegue se comunicar em uma língua diferente da sua nativa e ainda explicar – de forma simples – para outras pessoas como conseguiram desenvolver essa habilidade.

Benny Lewis, que é fluente em inglês, japonês, mandarim e espanhol, e fala bem alemão, francês, turco, árabe, norueguês e vários outros idiomas, diz que, ao contrário do que muita gente pensa, não é necessário nascer com os genes certos nem ter maior aptidão para aprender a falar um novo idioma.
Segundo ele, qualquer pessoa pode se tornar um poliglota! Basta perder o medo, mudar a abordagem e aprender alguns truques para facilitar a sua evolução. Veja algumas de suas dicas:

1- Aprenda as palavras certas
No inglês, por exemplo, segundo Lewis, grande parte do material escrito que existe no idioma, está baseado no uso de aproximadamente 300 palavras apenas, e a mesma estimativa se repete em maior ou menor grau em outros tantos idiomas.

2- Conheça os cognatos
Os cognatos são palavras de línguas diferentes que têm origem comum e, portanto, contam com grafias semelhantes e possuem o mesmo significado. Então, segundo o poliglota, quando você aprende esses termos do idioma que está aprendendo, você já terá grande vantagem no que tange o vocabulário.
Já falamos sobre alguns falsos cognatos no espanhol, clique aqui para conferir!

3- Use a tecnologia ao seu favor
Existem muitos apps, sites, conteúdos… disponíveis no idioma que está aprendendo. Há, também, algumas alternativas e ações diárias que você pode tomar para otimizar seu aprendizado. Por exemplo: troque o idioma dos seus aparelhos eletrônicos, leia e ouça audiolivros e podcasts na nova língua, explore programas estrangeiros, acompanhe canais e pessoas gringas nas redes sociais… Você pode fazer uma imersão valiosa no seu novo idioma sem sair de casa ou gastar mais para isso.

4- Crie metas
De acordo com Benny Lewis, é muito importante criar metas realistas para aprender uma nova língua. Comece decidindo qual nível você deseja alcançar na língua estrangeira e em quanto tempo, por exemplo: Pretendo saber me comunicar de forma verbal e escrita, com facilidade, até o fim de 2021. E vá criando novos desafios conforme você progride no seu aprendizado.
Lembre-se que essas metas precisam ser realistas e alcançáveis. Não recomendamos que você crie metas muito agressivas que não podem ser alcançadas – como conquistar a fluência ou ser capaz de escrever um livro em pouco tempo. Entenda que você tem seu tempo, facilidades e, também, limitações.

Entenda seu ritmo, o que é melhor para você e de qual forma você aprende melhor, assim você conseguirá cumprir seu objetivo de aprender mais 1, 2, 3… quantos idiomas quiser!

Conte com a Academia de Línguas nessa jornada!

Fonte: Mega Curioso

Voltar